O lançador de uma opção de venda acredita que o preço das ações no mercado à vista irá subir a um nível acima do preço de exercício, pois assim o titular não irá exercer a opção e ele (lançador) ganhará o valor do prêmio. Se o preço do ativo-objeto cair, aumentam suas chances de ser exercido e, por conseqüência, seus riscos. Desta forma, ele deverá depositar mais garantias para assegurar o atendimento a um eventual exercício da opção.

O titular, ao comprar uma opção, adquire o direito de comprar (opção de compra) ou vender (opção de venda) as ações-objeto ao preço de exercício. Ele poderá exercer esse direito ou não.

"Exercer uma opção" significa que o titular pode declarar que deseja exercer o direito de comprar (ou vender) conferido pela opção.

Na prática, nem todas as opções são realmente exercidas, dependendo do ativo-objeto. Muitos investidores simplesmente fecham (liquidam) sua posição em opções antes da data de vencimento. Fechar uma posição em opções significa assumir uma posição oposta àquela detida no momento.

Por exemplo, para fechar uma posição comprada em uma opção de compra, por exemplo, o titular da opção de compra deve vender uma opção de compra da mesma série. Ele não pode fechar a opção de compra comprando uma opção de venda similar ou vendendo uma opção de compra de série diferente. De forma semelhante, uma posição comprada em opção de venda é fechada pela venda de uma opção de venda da mesma série.



  1.  Caso as cotações à vista do ativo se desvalorizem, o que provavelmente acontecerá com o lançador da opção de venda?
    1. Suas chances de lucro aumentam.
    2. Terá que depositar garantias adicionais, uma vez que o risco dele ser exercido (e ter que comprar as ações ao preço de exercício) aumentou.

  2.  O titular é obrigado a exercer a opção?
    1. Sim, mas só no caso das opções de compra.
    2. Não, em ambos os casos (opções de compra ou de venda) o titular somente irá exercê-la se isso for interessante para ele.

  3.  O exercício é automático?
    1. Sim, mas apenas no caso das opções de compra.
    2. Não, em ambos os casos (opções de compra ou de venda) o titular tem que solicitar o exercício.

  4.  O titular é obrigado a permanecer no mercado até o vencimento da opção?
    1. Sim, uma vez que ele pagou o prêmio.
    2. Não, o titular pode sair do mercado a qualquer momento vendendo a opção anteriormente adquirida.

<< Voltar

Continuar >>