Fundos de Investimentos

Fundo de Investimentos em Ações (FIA)

  • O produto

    O Fundo de Investimento em Ações (FIA) tem como principal fator de risco a variação dos preços de ações, admitidas à negociação em mercados organizados, que compõem sua carteira de ativos. Cabe ao administrador do fundo constituir o fundo e realizar o processo de captação de recursos junto aos investidores através da venda de cotas.

    Todos os FIAs possuem um regulamento que, entre outras disposições, determina a política de investimento do fundo.

    Sua renda é dada pelos rendimentos distribuídos por meio dos ativos que compõem a sua carteira, tais como dividendos e juros sobre capital próprio.

    Pode ser constituído sob a forma de condomínio aberto, em que os cotistas podem solicitar o resgate de suas cotas a qualquer tempo, ou fechado, em que as cotas somente são resgatadas ao término do prazo de duração do fundo ou sua liquidação.

    Os investidores aplicam em FIAs com o objetivo de diversificarem a sua carteira de investimento e ficarem menos suscetíveis às variações de preços de ações específicas. Além disso, podem contar com um gestor profissional que acompanha o mercado e busca retornos superiores a determinadas referências de mercado. Desta forma, por exemplo, para um fundo que possui como referência o Ibovespa, o gestor buscará aplicar em ações que possuem uma perspectiva de rentabilidade superior ao índice e gerará o maior retorno possível ao investidor.

  • Características técnicas
    Código de negociaçãoXXXX11B
    XXXX = 04 letras maiúsculas que representam o nome do fundo
    11 = número que representa, dentre outros ativos, cotas de fundo
    B= indicativo de negociação em mercado de balcão organizado (quando aplicável)
    CotaçãoReais por cota, com 02 casas decimais
    LiquidaçãoFísica e Financeira
    Prazo de liquidaçãoD+3, a partir da data de negociação
    MercadoA vista
    Lote padrão01 cota
  • Vantagens do produto
    • A gestão do FIA é efetuada por um gestor profissional que acompanha o mercado diariamente e tem condições de selecionar os ativos com maior perspectiva de retorno.
    • Através da aquisição de cotas do FIA, o investidor diversifica sua carteira de investimentos, visto que o fundo é, em geral, composto por ações de diversas empresas.
    • Como o FIA normalmente possui grande número de cotistas (investidores), os custos operacionais são reduzidos quando comparados com os de uma pessoa física que investe no mesmo mercado.
    • Há a possibilidade de resgate das cotas ou de negociá-las no mercado secundário, no caso de fundo aberto, ou somente a venda no mercado secundário, no caso de fundo fechado, caso o cotista precise se desfazer da posição.
BM&FBOVESPA © 2016. Todos os direitos reservados. Termos e condições de uso.